[Blog] O Rail Nation ao longo da História: 3ª parte

  • [align=center]


    [align=left]Era 5:


    Por volta de 1919 – 2013


    De repente, faz-se silêncio. Apenas a vista lá fora indica que ainda estás a viajar. A paisagem passa pelos teus olhos a alta velocidade. O teu banco está mais confortável do que nunca. Bem-vindo à modernidade!


    As locomotivas são agora alimentadas a electricidade e lembram obras-primas tecnológicas. Arranha-céus elevam-se sobre a nossa estação de comboios. A arquitectura é dominada por vidro.


    Mas primeiro, vamos voltar aos anos 50, onde são criados os alicerces para a locomotiva moderna. Em 1955, a série de produção francesa SNCF BB 9004 atinge um recorde mundial de velocidade para veículos ferroviários, a 331 km/h – uma velocidade verdadeiramente incrível para a altura.


    [align=center]


    [align=left]A BB 7200, construída até 1985, também teve origem em França. A frente característica do designer Paul Arzens deu-lhe a alcunha "Nez Cassé", que significa "Nariz Partido".


    [align=center]


    [align=left]Uma das séries de produção mais distintas no Rail Nation é o par de Crocodilos, que foram construídas em 1919, mas que continuaram em serviço regular até aos anos 80. A Ce 6/8, a Crocodilo original, foi principalmente produzida para transportes de mercadoria pesada na íngreme ferrovia Gotthard, na Suíça.


    O "Crocodilo alemão", apresentando-se como a série de produção da Serpente no Rail Nation, permanece em serviço activo até aos anos 90, antes das companhias ferroviárias acabarem eventualmente por descartá-lo. No entanto, as locomotivas preservadas ainda servem como uma espécie de loja de peças de substituição ou como exibições de museu.


    [align=center]



    [align=left]Outra atracção desta altura é o TGV Sud-Est com a sua peculiar pintura laranja. O comboio de alta velocidade da primeira geração das séries TGV é principalmente utilizado na rota entre Paris e Lion, antes de ser extinto em 2013.


    [align=center]


    [align=left]Era 6:


    Por volta de 1994 – dias de hoje


    Entramos num túnel. Bebes um pouco da tua bebida quente e encostas-te. A luz brilhante cega-te por um segundo quando o comboio sai do túnel, mas depois vês a nova paisagem. Estás a viajar através de uma enorme metrópole. Em ambos os lados do comboio vês edifícios ligeiramente futuristas. Chegaste à última era no Rail Nation.


    Exactamente desde o início do século XXI, é desenvolvida a Bombardier Traxx e está em serviço activo em 17 países diferentes. A série 145er também pode ser vista no Rail Nation.


    [align=center]


    [align=left]Além disso, a primeira locomotiva chinesa no Rail Nation pode ser encontrada aqui: a China Railways HXD2, que foi projectada com base na francesa Alstom Prima.


    [align=center]


    [align=left]As verdadeiras máquinas de deixar o queixo caído desta era moderna podem ser encontradas entre as locomotivas e comboios de passageiros. Começa com a Pendolino, a locomotiva emblemática da associação ferroviária polaca, PKP. Esta locomotiva é produzida pela companhia francesa Alstom. Em 2014, a PKP introduz a última geração. Infelizmente, o comboio não consegue usufruir da sua verdadeira potência na Polónia, visto que lá a velocidade tem um limite de 200 km/h.


    [align=center]


    [align=left]A Spadsan, usada na Rússia, é construída pela companhia alemã Siemens, e tem como base a ICE 3 da Deutsche Bahn. Está adaptada à bitola larga russa e às condições climatéricas específicas da região.


    [align=center]


    [align=left]A Shinkansen é uma evolução do comboio experimental FASTECH 360, de 2005. Ambos os protótipos, bem como as séries, têm um design aerodinâmico para evitar o efeito de pistão, em particular nos túneis.


    [align=center]


    [align=left]Eventualmente, o teu comboio abranda e entra na estação de comboios. Levantas-te, esticas os teus braços e pernas, e sais da tua cabine. Esperamos que tenhas gostado da viagem e que, tal como nós, estejas entusiasmado para ver até onde é que o futuro da locomotiva nos leva.

    Se ainda não leste as partes anteriores:
    1ª parte: Clica AQUI
    2ª parte: Clica AQUI

    Pimpmytrain
    Community Manager & Customer Service Representative
    Rail Nation BR/PT

    r38Z1Tp.png
    Tens alguma dúvida? Encontra resposta na página de Answers do RN
    Procuras as regras do fórum e da net etiqueta? Podes encontrá-las aqui.
    Se continuares com questões, contacta-nos através do Centro de Ajuda.